Síndrome de Down Necessidades Educativas

7 Dúvidas comuns sobre a Síndrome de Down

Marcelle da Costa
Escrito por Marcelle da Costa

A Síndrome de Down não é exatamente uma doença, mas um conjunto de características físicas e genéticas que tornam a pessoa especial. Respondemos aqui às dúvidas mais comuns dessa síndrome:


1) Porque se nasce com Síndrome de Down?

A SD é de causa genética, ou seja, não existe nada que a mãe ou que o pai possa fazer para evitá-la. Certos fatores estão relacionados e aumentam as chances do bebê nascer com SD, como é o caso da mãe ter mais de 35 anos e/ou o pai ter mais 65 anos de idade no momento da conceção do bebê, mas isso também não é uma regra, porque existem exceções.

2) Como é o comportamento de alguém com Síndrome de Down?

A pessoa que tem SD é calma e tranquila, apresentando mais facilmente uma personalidade dócil. Entretanto, se ela for criada num ambiente confuso, com falta de amor e carinho, pode se tornar agressiva, porque o ambiente tem influência direta sobre o comportamento humano, e isso não é diferente na SD.

O portador dessa síndrome tem mais dificuldade em aprender algo. Estima-se que uma criança sem SD precisa de 7 tentativas para aprender algo novo, e no caso da SD é preciso, em média, 10 tentativas.

Além disso, a criança com SD pode gostar de chamar atenção. Se ela notar que consegue mais atenção do pai ou da mãe ao tomar um brinquedo da mão do irmão, provavelmente ela fará isso.

3) Como é a adolescência na Síndrome de Down?

A adolescência na SD também começa aos 12 anos, com a maturidade dos órgãos reprodutores, surgimento de pêlos nos genitais, desenvolvimento de mamas e alargamento de quadris nas meninas. As alterações de humor também são típicas dessa fase, e acontecem igualmente na SD.

4) Como fica a pessoa com Síndrome de Down na escola?

Quem tem SD pode frequentar a escola normalmente, não sendo obrigatório frequentar o ensino especial. Entretanto, existem certos aspectos que podem precisar de mais atenção. Normalmente quem tem SD além da escola, precisa fazer sessões de fisioterapia na 1.ª infância, mas outras terapias são úteis a partir dos 7 anos para um maior estímulo.

O aprendizado de línguas estrangeiras parece ser mais difícil, mas não impossível, e se houver persistência pode-se tonar fluente em outra língua.

5) Como fica a sexualidade de quem tem Síndrome de Down?

A pessoa que tem SD tem uma sexualidade normal, apresentando um desenvolvimento e maturidade sexual muito próxima do padrão de normalidade da sociedade. Embora muitos pais tentem infantilizar o jovem com SD a verdade é que ele apresenta os mesmos desejos sexuais que os outros, e a masturbação pode ser uma realidade frequente devido a falta de tarefas ou outros momentos de alegria e regozijo.

Caso a sexualidade esteja ativa é importante que a pessoa com SD tenha cuidados, use preservativo e outros métodos contracetivos para evitar a gravidez indesejada, porque ela pode acontecer.

6) Quem tem Síndrome de Down pode engravidar?

As meninas com SD que apresentam ovulação normal podem engravidar normalmente, por isso é importante o uso de contracetivos para evitar a gravidez indesejada e o uso de preservativo para evitar doenças sexualmente transmissíveis, como a AIDS. Mesmo que a mãe ou o pai tenham SD, isso não quer dizer que o bebê vai nascer com a SD, pois é possível que não seja portador dessa alteração genética.

Os homens com SD normalmente são considerados inférteis, porque os seus espermatozoides podem ser mais lentos e estar em menor quantidade que o ideal, mas somente um espermograma poderá confirmar este fato.

7) Quantos anos vive quem tem Síndrome de Down?

A expectativa de vida na SD é de cerca de 60-65 anos de idade. Complicações cardíacas são as causas mais comuns, mas nos últimos anos tem-se aumentado essa expectativa.

Saiba mais sobre o que é a Síndrome de Down e como fazer o diagnóstico correto!

Sobre o Autor

Marcelle da Costa

Marcelle da Costa

Fisioterapeuta credenciada, com formação em Psicomotricidade e Desenvolvimento Infantil.
Empreendedora social, prática e sempre pronta a ajudar!