Dislexia NEE

Jimmy Pickering: artista e ilustrador com Dislexia

Cláudia Pereira
Escrito por Cláudia Pereira

Autor e ilustador de livros infantis, Jimmy Pickering é um dos diretores criativos da Walt Disney Imagineering. Também tem dislexia, uma dificuldade de aprendizagem, mas isso não o impediu de sonhar, crescer e desenvolver todo o seu potencial.


Percurso de Jimmy Pickering

Aos dezassete anos começou a estudar na Escola de Animação da Califórnia, na companhia de lendas na área:Hal Ambro, Bob McCrae, Chris Buck e Joe Ranft. Durante o curso aprendeu a arte da animação e storytelling, utilizando o design e a cor – dois elementos característicos do seu estilo.

Trabalha como criativo na Walt Disney e escreve e ilustra livros infantis. Com mais de 4o livros publicados, as suas ilustrações já ganharam diversos prémios, incluindo Ilustrador do Ano. Também exibe a sua arte em diversos museus (Museu Armand Hammer Museum, Museu Nacional de Design Cooper-Hewitt em Nova Iorque, Centro de Arte Walker em Mineápolis e o Centro de Arquitetura do Canadá em Montreal).

Eu tenho dislexia e partilho isso com crianças e jovens com essa dificuldade de aprendizagem, para perceberem que não estão sozinhas e que é possível fazerem o que sempre sonharam.

Dislexia e Jimmy Pickering

Este autor foi diagnosticado com dislexia já em idade adulta. Sempre teve dificuldade com a leitura e com a escrita, confundindo as letras e apresentando dificuldade na retenção de fórmulas utilizadas na gramática e na matemática. Quando vai a escolas ou a apresentações de livros, partilha que é disléxico com as crianças. Com isso, ele quer transmitir que elas não estão sozinhas e que um adulto consegue fazer aquilo com que sempre sonhou, apesar desta dificuldade de aprendizagem: “Pode ser um desafio e apetece desistir muitas vezes, mas não façam isso! Podem cumprir os vossos sonhos tal como eu consegui. Todos os dias dou graças por nunca ter desistido e o mesmo se irá passar com vocês.”

Jimmy explica que, apesar de ter uma dificuldade de aprendizagem que afeta a leitura e a escrita, ele gosta de escrever livros para crianças:

“Quando tenho uma ideia para uma história, ela não se apresenta em palavras; vem a mim visualmente – vejo a história em imagens. As minhas anotações para um livro não são palavras, mas uma série de esboços, que me permitem refletir sobre a história. Costumo esboçar personagens e ambientes principais antes mesmo de escrever uma única palavra. Nesta fase, desenho storyboards (uma série de desenhos que retratam toda a história do início ao fim) do livro como faria para a animação. Em seguida, projeto uma versão preliminar da história, exatamente como faria uma atração para um parque temático, como fiz quando era um Imagineer na Walt Disney Imagineering. Isso me fornece um roteiro visual claro para ver se a história é transmitida com clareza por meio da encenação, do layout e da cor das imagens. A partir daqui, a escrita começa e as palavras e imagens começam a se entrelaçar para contar uma única história.”

O que é Dislexia e como diagnosticar?

Dislexia é uma dificuldade de aprendizagem que se traduz numa dificuldade em aprender em ler, sem que esteja comprometida inteligência, meio sociocultural ou alfabetização adequada.

Existem alguns sintomas de Dislexia que permitem identificar esta dificuldade de aprendizagem logo no início da alfabetização, salientamos os seguintes:

  • Inversão de letras e dificuldade em reconhecer palavras;
  • Problemas de ortografia e dificuldade em identificar erros;
  • Fraca memória de curto prazo e de tempo;
  • Baixa compreensão auditiva e de leitura;
  • Fraca qualidade da letra e problemas de discriminação visual e de percepção espacial;
  • Dificuldade em recordar-se de nomes e em aceder ao vocabulário adquirido;
  • Realização demorada do trabalho escolar e dificuldade na estruturação de trabalhos escritos (composições).

Se tiver alguma dúvida pode realizar um dos testes de dislexia educamais, no entanto para um diagnóstico deve sempre consultar um profissional de educação.

No caso de diagnóstico positivo, existem várias associações de dislexia que disponibilizam recursos e apoio a crianças com dislexia e respetivas famílias, tanto no Brasil como em Portugal. Veja mais famosos com dislexia!

Sobre o Autor

Cláudia Pereira

Cláudia Pereira

Educadora Social, formadora certificada, especialista em educação, dificuldades de aprendizagem e necessidades educativas especiais.
Empreendedora digital, criativa e apaixonada por implementar novas ideias!