Saúde Infantil

Alergias na pele mais frequentes nas crianças: saiba como lidar

Marcelle da Costa
Escrito por Marcelle da Costa

O contato com o pelo de animais e com certas plantas são os principais causadores de alergia na pele das crianças, mas alguns alimentos também podem causar alergia causando coceira e irritação localizada. Saiba como reconhecer os sintomas e o que deve fazer nessa situação.


Como reconhecer os sintomas de alergia na pele

A alergia na pele causa sintomas como:

  • Coceira;
  • Irritação;
  • Vermelhidão;
  • Escoriação por causa da coceira;
  • Local mais inchado;
  • Borbulhas ou pequenas feridas numa região da pele.

Facilmente pode-se reconhecer estes sintomas, mas para se certificar do que se trata deve tirar fotos e enviar para o pediatra que habitualmente cuida da criança ou marcar uma consulta. Normalmente estes sintomas desaparecem de forma relativamente rápida, após se afastar do que causou a alergia, sem necessidade de um tratamento muito específico ou demorado.

Mas se os sintomas se mantiverem por mais de 3 dias, ou se houver aumento dos sinais de gravidade, deve buscar ajuda médica porque a pele ferida é uma porta de entrada de germes que podem causar uma infeção mais difícil de tratar.

O que pode causar alergia na pele

Alguns motivos de alergia na pele são:

  • Contacto com pelo de animais;
  • Picada de insetos;
  • Contato com plantas;
  • Calor extremo;
  • Tecidos diferentes do que a criança habitualmente usa;
  • Uso de produtos cosméticos não adequados à crianças;
  • Uso de bijuteria;
  • Alimentos como amendoim, morango, leite de vaca nas crianças alérgicas ou intolerantes.

Assim que desconfiar que algum destes elementos está causando alergia na criança deve afastá-la dele. Lavar a área com água fria ajuda a parar a coceira e diminui a vermelhidão mais rápido. Mas, nem sempre é possível descobrir ao que a criança é alérgica, e nesse casos os pais devem observar quando os sintomas surgem (ou pioram) e buscar alguma correlação.

Algumas crianças tem a pele atópica e mais facilidade de ter alergia do que outras, nesse caso esse será um problema que irá acompanhar por toda vida, já que é muito difícil curar algum tipo de alergia de forma definitiva. Fazer um teste de alergia com base no DNA pode ajudar a identificar os principais fatores causadores, de forma a diminuir o contacto da criança com eles, todavia esse teste só pode ser feito de forma particular, não sendo coparticipado pelo Estado.

O que fazer para combater a alergia

É aconselhado:

  • Lavar a área com agua fria ou água termal (encontrada nas farmácias, drogarias e perfumarias);
  • Colocar uma gaze molhada em chá de camomila, já frio em cima da área afetada;
  • Se não melhorar, poderá colocar uma mistura de maisena com um pouco de água, formando uma pasta para cobrir toda a área;
  • Se houver feridas, deve desinfetá-las e cobrir com band-aid;
  • Passar uma pomada para alergia também pode ajudar a curar tudo mais rápido.

Se não houver sinais de melhora até o dia seguinte, deve-se buscar ajuda médica. Uma consulta com um imunoalergologista pode ser uma boa ajuda para conseguir identificar os causadores de alergia na criança e tudo o que podem fazer para combatê-las, já que existem algumas vacinas terapêuticas que podem ajudar a curar algumas alergias, como pelo de animais e ácaros, por exemplo.

Sobre o Autor

Marcelle da Costa

Marcelle da Costa

Fisioterapeuta credenciada, com formação em Psicomotricidade e Desenvolvimento Infantil.
Empreendedora social, prática e sempre pronta a ajudar!