Parentalidade Saúde Infantil

5 formas de aumentar o sistema imunológico dos seus filhos

Marcelle da Costa
Escrito por Marcelle da Costa

A melhor forma de reforçar as defesas naturais das crianças é oferecendo cuidados básicos de saúde, como uma alimentação saudável, noites tranquilas, atividade física, e claramente, afeto. Algumas boas dicas para reforçar o sistema imunológico das crianças são:


  1. Comer bem. Deve-se dar diariamente frutas, verduras e legumes variados para comer, tornando isso um hábito. Cozinhar a carne com estes ajudam muito, fazer uma sopa e bater tudo no liquidificador também. Vegetais verde escuro são bons para o sangue, e para aumentar a imunidade, a couve-flor é uma ótima opção. Pode usar cozida com azeite e sal, cozinhar junto à carne, colocar na sopa ou fazer um purê, por exemplo. É importante que a criança coma estes alimentos regularmente, em boa quantidade. Somente 1 ou 2 colheres (apesar de serem melhor que nada) provavelmente não será suficiente.
  2. Apostar em carnes brancas e no ovo cozido. As proteínas ajudam nas defesas do corpo, e na regeneração dos tecidos, sendo útil para toda e qualquer cicatrização, ajudando a manter a pele íntegra;
  3. Levar a criança para brincar ao ar livre, na grama, no parquinho, na praia… o contato com o mundo exterior é de extrema importância para diminuir o risco de alergias e de tornar a criança mais resistente aos germes que andam por aí.
  4. A criança precisa dormir e descansar de forma adequada. Se seu filho não gosta de dormir cedo e levanta ainda mais cedo, faça de tudo para que ele tenha algum momento para descansar durante o dia, ou que leia um livro antes de dormir para acalmar a mente.
  5. Vacinas. Embora haja uma corrente de pessoas que preferem não vacinar seus filhos, a verdade é que a vacinação é a melhor forma de evitar uma série de doenças que podem ter prevenidas. Deve-se levar em conta o calendário de vacinação da sua região e as recomendações do pediatra que acompanha a criança habitualmente.

Artigos científicos também apontam a necessidade de afeto no relacionamento com os filhos porque parece que este também aumenta a imunidade contra as doenças. Assim aproveite todo tempo que tem disponível para dar atenção ao seu filho. Para pais que trabalham fora e que passam muitas horas longe da criança um bilhetinho na mochila pode ajudar, ou um desenho de um beijinho na mão da criança para que ela saiba o quanto é amada.

Em caso de epidemias ou pandemias deve-se apostar em todas estas dicas para que a criança esteja saudável, tendo menos chances de ficar doente, caso entre em contato com algum vírus ou bactéria nociva. A Pandemia COVID-19 tem deixado os pais alertas no sentido de proteger seus filhos. Aparentemente a atuação deste vírus é mais branda nas crianças, mas elas podem ser formas de transmissão para outros grupos de risco, como os avós, por exemplo, que tem mais chances de ficarem gravemente doentes. Saiba o que é o Coronavírus e como proteger o seu filho aqui.

Sobre o Autor

Marcelle da Costa

Marcelle da Costa

Fisioterapeuta credenciada, com formação em Psicomotricidade e Desenvolvimento Infantil.
Empreendedora social, prática e sempre pronta a ajudar!