Saúde Infantil

O que é o Coronavírus e como proteger o seu filho?

Marcelle da Costa
Escrito por Marcelle da Costa

Saiba o que é o coronavírus, quais os principais sintomas, os tratamentos mais relevantes e como proteger os seus filhos!


O que é o Coronavírus?

O coronavírus é um tipo de vírus, que causa sintomas semelhantes aos da gripe, com febre, espirros, tosse, dor de cabeça e mal-estar. O coronavírus 2019-nCoV identificado na China é responsável por uma recente epidemia neste país e tem causado transtorno e necessidade de internamento hospitalar.

Sintomas de Coronavírus

Os sintomas do coronavírus 2019-nCoV  são febre, dor de cabeça, mal-estar, tosse, espirros. Os sintomas do coronavírus na criança podem ser mais fortes e o maior risco é o desenvolvimento de uma pneumonia ou insuficiência respiratória, especialmente nas crianças que possuem uma saúde frágil.

Os sinais de que o coronavírus está causando complicações respiratórias, como pneumonia ou bronquite são o surgimento de calafrios e dores no corpo.

Quem faz o diagnóstico é o médico, sendo essencial ter estado recentemente num local com casos de infeção por este vírus. Assim, em janeiro de 2020 é necessário que nas últimas 3 semanas tenha estado na China ou em outros locais afetados, ou em contato direto com os animais doentes ou com uma pessoa contaminada com este vírus.

Tratamento para Coronavírus

Não existe um tratamento específico para combater o Coronavírus 2019-nCoV e o que se faz necessário é permanecer internado no hospital para tomar soro na veia, tomar analgésicos para se sentir mais confortável e evitar a contaminação de outras pessoas.

Quando a criança é afetada, esta também deve permanecer internada no hospital até o controlo dos sintomas. Se ela desenvolver pneumonia, e após a confirmação do vírus em seu sistema respiratório, os médicos poderão indicar medicamentos específicos para chegar à cura mais rapidamente.

Como se proteger e proteger seu filho

Para se proteger é essencial não viajar para a China enquanto existirem casos dessa doença e não ter contato direto com as pessoas ou animais contaminados. Se houver uma grande epidemia, colocando em risco a vida de todos, deve-se usar máscara médica cobrindo o nariz e a boca sempre que sair à rua, para diminuir o risco do vírus entrar nas suas vias aéreas.

Para evitar o coronavírus 2019-nCoV,  além da China é recomendado não viajar para outros países afetados como Estados Unidos, Tailândia, Japão e Coreia do Sul.

Outras medidas de proteção que são importantes são lavar as mãos frequentemente, evitar locais com aglomeramento de pessoas e manter uma alimentação saudável e equilibrada, fundamental para manter o sistema imunológico forte e capaz de combater este vírus.

Quando os pais estão contaminados, devem permanecer internados e sem contato direto com as crianças para evitar contaminá-las. O coronavírus na infância pode ser mais grave que no adulto, trazendo complicações respiratórias, colocando a vida da criança em risco, por isso deve-se tomar todas as medidas possíveis para proteção das crianças.

Até o momento não existem vacinas contra o coronavírus.

Sobre o Autor

Marcelle da Costa

Marcelle da Costa

Fisioterapeuta credenciada, com formação em Psicomotricidade e Desenvolvimento Infantil.
Empreendedora social, prática e sempre pronta a ajudar!