Saúde Infantil

10 Exercícios físicos para fazer em casa com as crianças

Marcelle da Costa
Escrito por Marcelle da Costa

Os bons hábitos devem começar cedo e no que diz respeito a saúde isso não fica atrás. A vida ativa tem inúmeros benefícios para saúde, melhora a circulação sanguínea e o bom funcionamento cerebral, por isso indicamos aqui uma série de exercícios que pode fazer em casa com as crianças.


Quais os benefícios

  • Melhora o humor;
  • Aumenta a proximidade com os pais e irmãos;
  • Contribui para a boa circulação sanguínea;
  • Melhora a interação cerebral;
  • Melhora a coordenação motora;
  • Fortalece e alonga os músculos;
  • Aumenta a concentração e o aprendizado.

Que exercícios fazer

Fazer exercícios em casa não precisa ser nada muito complicado, nem requer grandes conhecimentos específicos. Você pode promover atividade física desde cedo com exercícios como:

  1. Macaquinho de imitação
  2. Pular corda ou elástico
  3. Dança da cadeira
  4. Caminho de obstáculos
  5. Salto à distância
  6. Bicicleta no ar
  7. Abdominais
  8. Flexões com o joelho apoiado no chão
  9. Sentar numa cadeira imaginária (sentar no ar)
  10. Andar num pé só

Você pode marcar num cronômetro 1 minuto para cada exercício e fazer ao lado da criança para motivá-la a realizar o exercício corretamente, e de forma divertida.

Qual a frequência ideal

As crianças precisam de atividades motoras diariamente, como são apenas 10 minutos de exercícios, pode-se realizar esta série, acima proposta, todos os dias. Respeite o gosto pessoal e os limites que a criança precisa para descansar. Respirar de forma correta também ajuda a realizar esta atividade física da melhor forma possível.

Criança pode fazer exercícios com peso?

Não deve. A criança precisa de estímulo motor, mas não é necessário o uso de equipamentos direcionados para jovens e adultos. O uso de equipamentos como pesos de areia pode forçar os músculos e tendões de forma exagerada e causar danos desnecessários.

E se a criança tem problemas respiratórios?

Não há problema. Mesmo que a criança tenha asma ou outra dificuldade para respirar ela poderá realizar estes exercícios, mas se a criança encontra-se doente, está debilitada ou realmente não está em condições de praticar atividade física, deve reservar este tipo de estímulo para um momento mais apropriado.

Sobre o Autor

Marcelle da Costa

Marcelle da Costa

Fisioterapeuta credenciada, com formação em Psicomotricidade e Desenvolvimento Infantil.
Empreendedora social, prática e sempre pronta a ajudar!