Jogos Educativos Atividades

5 Jogos com Papel e Caneta para horas de divertimento!

Cláudia Pereira
Escrito por Cláudia Pereira

Brincar é fundamental para o desenvolvimento da criança, por isso estes jogos, que podem ser feitos apenas utilizando papel e caneta, são muito úteis para todos os momentos! São 5 jogos para brincar dentro de casa, no carro, na praia ou campo e sempre que tiver vontade! Vamos experimentar?


1. Jogo do Galo/Velha

O jogo do galo, também conhecido como jogo da velha, é um dos mais jogos mais antigos e populares de sempre. As regras são muito fáceis de serem compreendidas e o jogo em si é uma ótima forma de passar o tempo.

Idade: a partir dos 4 anos
Material: folha, caneta
O que desenvolve: o raciocínio e a concentração das crianças.

Como Jogar: após desenhar a base do jogo (três linhas por três colunas), cada jogador coloca a sua marca onde pretender (um joga com “0”, outro jogador com “X”). Ganha quem faz uma linha (três símbolos iguais, seja em linha vertical, horizontal ou diagonal). Pode ser repetido quantas vezes for preciso, apenas precisa de papel e caneta! Saiba mais sobre o jogo do galo.

2. Jogo do Stop

O jogo do stop garante momentos divertidos com os amigos e em família.

Idade: a partir dos 6 anos
Material: folha, caneta
O que desenvolve: a interação, concentração, raciocínio rápido e motricidade fina, além de alargar o vocabulário.

Como Jogar: cada jogador deve escrever numa folha as várias categorias que pretendem testar, como por exemplo, nomes, países, cidades, frutos, animais objetos, entre outros. Depois, um jogador deve dizer o abecedário em silêncio, ao passo que o outro o manda parar, ao dizer “stop”. A letra sorteada é aquela pela qual todas as categorias anteriormente definidas devem começar. De seguida, todos os jogadores devem preencher todas as colunas o mais rápido possível e o primeiro a terminar deve dizer novamente “stop”. Saiba mais sobre o jogo do stop.

3. Jogo da Forca

O jogo da forca é um jogo bastante simples de ser jogado, ideal para crianças que se encontram em idade escolar e que já dominam algumas palavras.

Idade: a partir dos 6 anos
Material: folha, caneta
O que desenvolve: concentração, raciocínio e vocabulário.

Como Jogar: para começar, um dos jogadores escolhe uma palavra e desenha no papel um risquinho para cada letra. O objetivo do outro jogador é adivinhar essa palavra, falando, a cada rodada, uma letra do alfabeto. Mas a cada vez que ele errar, o bonequinho na forca ganha um  novo membro (cabeça, corpo, duas pernas, dois braços). O vencedor do jogo é aquele que conseguir descobrir mais palavras, sem completar o bonequinho. Saiba mais sobre o jogo da forca.

4. Jogo da Batalha Naval

A batalha naval é um dos jogos mais conhecidos de todos os tempos. Embora exista em tabuleiro, facilmente adquirido nas superfícies comerciais, pode ser realizado em casa com papel e caneta!

Idade: a partir dos 7 anos
Material: folha, caneta
O que desenvolve: respeito pelas regras, concentração e raciocínio lógico

Como Jogar: a batalha naval é um jogo de duas pessoas, cujo propósito é afundar os barcos do outro jogador. Uma folha com grelha é o campo de jogo dos dois jogadores (uma para cada um). As grelhas são quadradas e identificadas horizontalmente por números e verticalmente por letras. Na grelha de cada jogador devem ser colocados os barcos e os “tiros” do adversário. Na grelha que representa o campo do oponente, devem ser registados os “palpites/tiros” do jogador e os barcos que eventualmente foram atingidos. Cada jogador deve colocar os seus barcos nos quadrados da grelha (porta-aviões, submarinos e barcos de 2, 3 e 4 canos. Saiba mais sobre o jogo da batalha naval.

5. Jogo dos Pontinhos

O jogo dos pontinhos é super simples, divertido e tem cativado as crianças ao longo dos tempos. Para jogar apenas é preciso folha e papel, pode ser feito numa folha branca ou usar o jogo dos pontinhos para imprimir do educamais.

Idade: a partir dos 4 anos
Material: folha, caneta
O que desenvolve: raciocínio lógico, lateralidade e sentido de espaço.

Como Jogar:numa folha com pontinhos (alinhados em colunas e linhas), devem ser formados a maior quantidade de quadradinhos que puder. Cada jogador em sua rodada fará uma linha entre dois pontinhos, seja na vertical ou horizontal, nunca na diagonal. Quando formar um quadrado, coloca a inicial do seu nome. Vence o jogador que tiver mais quadradinhos! Saiba mais sobre o jogo dos pontinhos.

Sobre o Autor

Cláudia Pereira

Cláudia Pereira

Educadora Social, formadora certificada, especialista em educação, dificuldades de aprendizagem e necessidades educativas especiais.
Empreendedora digital, criativa e apaixonada por implementar novas ideias!