Educamais.com
Diagnosticar e Intervir em necessidades educativas especiais.
Dislexia, Dificuldades de Aprendizagem, Autismo, TDAH, Orientação Escolar.

Exercícios para Dispraxia

Exercícios para Dispraxia
2 votos, media 5.00 (95%)

Exercícios para dispraxia permitem melhorar o equilíbrio e a coordenação. Exercícios para Dispraxia também melhoram o processamento visual, a distância e a velocidade, a lógica e sequência, ajudando assim nas dificuldades sentidas pelos dispráxicos.

Exercícios para Dispraxia

Estes exercícios são simples de seguir, no entanto algumas crianças enfrentarão algumas dificuldades na sua realização, pelo que os educadores ou os pais poderão tornar estes exercícios como uma rotina de jogos, tipo ”hora divertida do dia”! Nadar ou andar de bicicleta são complementos muito bons. Estes exercícios deverão ser realizados durante 15 a 20 minutos por dia.

Exercícios para Dispraxia – Balançar

Ficar de pé só numa perna, que inicialmente deverá ser a dominante e só depois passer para a outra. Enquanto fica de pé contar quanto tempo a criança aguenta esta posição, ficando de olhos abertos. De seguida fazer o mesmo exercício, mas de olhos fechados. A criança poderá sentir alguma dificuldade ao fazer o exercício com os olhos fechados.

Pular Começando novamente com a perna dominante conte quantas vezes a criança consegue pular. Quando eventualemnte a criança perder o equilíbrio troque de perna. No início a criança irá pular por todo o lado, mas com o tempo permanecerá mais ou menos na mesma área.

Exercícios para Dispraxia – Habilidades com a Bola

Utilize bolas de diferentes tamanhos para praticar atirar e apanhar. Inicialmente distancie-se pouco da criança e pouco a pouco aumente a distância. Motive a criança a observar o percurso da bola, isso ajuda a perceber a distância e a velocidade. Com o tempo varie a velocidade da bola assim como direccione a bola mais para a esquerda ou para a direita, mas sem informar a criança desse facto. Faça o mesmo exercício,mas agora apenas com uma mão, iniciando com o braço dominante. À medida que a criança se vai tornando mais confiante, poderá atirar a bola contra a parede, dentro de uma área definida definida (um quadrado no chão).

Exercícios para Dispraxia – Futebol

Chute a bola em direcção à criança e motive-a a fazer o mesmo. A criança deve chutar primeiro com a perna dominante e depois com a outra, para a direita e para a esquerda.