Origem da Dança Terapia

 

Origem da Dança Terapia remonta a 1966 quando esta se tornou uma pofissão através da Associação Americana de Dançaterapia.

Origem da Dança Terapia

As pioneiras foram todas mulheres: bailarinas, coreógrafas e professoras de dança que, compartilhavam uma paixão comum e um respeito profundo pelo valor terapêutico de sua arte.

Entre 1940 e 1950, separadamente, ensinavam em estúdios privados e foram gradualmente abrindo caminhos em hospitais psiquiátricos e outros estabelecimentos clínicos. Bailarinas, psicoterapeutas e outros procuraram aprender e estudar com estas primeiras praticantes, que começaram a elaborar uma teoria que pudesse sustentar as suas observações.

Mary Starks Whitehouse foi uma das primeiras pioneiras em dança-movimento-terapia. Graduou-se na escola Wigman na Alemanha e também estudou com Marta Graham. Sua análise pessoal e seus estudos no Instituto Junguiano, em Zurich deram como resultado uma aproximação a qual denominou de “Movimento Autentico”. Num artigo intitulado “ Reflexões sobre uma Metamorfose”(1968), conta a historia de sua transição: “Foi importante o dia que me dei conta que não ensinava dança, ensinava a pessoas…Indicava a possibilidade de que meu interesse principal podia ter haver com o processo e não com os resultados, que não era somente pela arte que eu estava buscando e sim por um desenvolvimento humano.”