Saúde Infantil

O que é Dramaterapia e quando é utilizada?

Cláudia Pereira
Escrito por Cláudia Pereira

Ao longo dos anos, o teatro e o drama têm vindo a ser utilizados como ferramenta terapêutica. Saiba o que é a dramaterapia, quais os principais benefícios e quando é necessário recorrer a esta terapia.


O que é Dramaterapia?

Dramaterapia é a utilização intencional do drama ou outro processo teatral para atingir alvos terapêuticos, facilitando o crescimento pessoal e promovendo a saúde mental.

As crianças, jovens ou adultos participam ativamente no contar de histórias, no resolver de problemas, no expressar de sentimentos, incorporar personagens – técnica do role-playing– com o propósito de modificar o comportamento, reintegrar emocional e fisicamente, construir auto-estima e habilidades.

Normalmente, a dramaterapia é utilizada para ajudar as crianças ou adultos a:

  • compreender as suas próprias motivações e comportamentos;
  • explorar verdades sobre si mesmo;
  • expressar-se melhor e mais saudavelmente;
  • a melhorar funções cognitivas como a memória, concentração e perceção;
  • explorar e transcender tipos pessoais doentios de comportamento e interação interpessoal.

Quais os Principais Benefícios da Dramaterapia?

Estes são alguns dos benefícios proporcionados pela utilização da Dramaterapia:

  • Aumenta a auto-estima e a confiança;
  • Facilita a exploração do reconhecimento de sentimentos e de relacionamentos;
  • Melhora o auto-conceito;
  • Melhora capacidades sociais e cooperação com outros;
  • Promove a espontaneidade e a criatividade;
  • Traz mudança interna de comportamentos;
  • Promove  a interação e desenvolvimento social;
  • Melhora funções cognitivas (memória, concentração e perceção).

Dramaterapia é uma terapia que promove a criatividade, o jogo lúdico, a imaginação, o crescimento e a auto-estima.

Qual a Origem da Dramaterapia?

A dramaterapia começou com Jacob L. Moreno, criador do psicodrama e pioneiro na área da terapia em grupo. De seguida evolui, incorporando várias formas de intervenção terapêutica, com a utilização de jogos teatrais, dinâmicas de grupo, mímica, fantoches e técnicas de improviso.

No início do século XX, o teatro hospital e o trabalho de Moreno, Evreinov e Iljine marcaram uma nova relação entre terapia e teatro, abrindo portas para que, nos anos 70, a dramaterapia surgisse como uma terapia de artes criativas eficiente.

Atualmente, a dramaterapia é amplamente utilizada a nível global todo, existindo formação específica para treinar profissionais nesta área na Europa e nos Estados Unidos.

Quando Utilizar a Dramaterapia?

Não é necessário ter algum tipo de problema comportamental ou dificuldade de aprendizagem ou de outro género para usufruir da dramaterapia.

Embora esta terapia traga enormes benefícios a famílias disfuncionais, crianças com dificuldades de desenvolvimento, jovens com desordens alimentares ou em situação de risco, adultos a lidar com traumas ou idosos, está aberta a todos, independentemente da idade ou nível de desenvolvimento/comportamento.

Quem é o Dramaterapeuta?

Dramaterapeutas são técnicos treinados em teatro, psicologia, psicoterapia e dramaterapia, cujas áreas de estudo incluem improvisação, fantoches, role-playing, máscaras, mímica, produção teatral, psicodrama, psicologia do desenvolvimento, teorias de personalidade e técnicas de grupo.

Este profissional pode trabalhar em instituições para portadores de deficiência, escolas, hospitais, centros de desintoxicação, centros e lares de idosos, centros de correcção, abrigos, infantários, empresas e teatros.

Não é necessário ter algum tipo de problema comportamental ou dificuldade de aprendizagem para usufruir da dramaterapia. Todos podem usufruir desta terapia!

Sobre o Autor

Cláudia Pereira

Cláudia Pereira

Educadora Social, formadora certificada, especialista em educação, dificuldades de aprendizagem e necessidades educativas especiais.
Empreendedora digital, criativa e apaixonada por implementar novas ideias!