Síndrome Alcoólica Fetal na Sala de Aula

 

Síndrome Alcoólica Fetal na sala de aula implica algumas alterações educacionais, isto porque os alunos com esta síndrome apresentam, muitas vezes, múltiplas desordens, nomeadamente TDAH, perturbações emocionais, distúrbios de aprendizagem entre outros problemas.

Síndrome Alcoólica Fetal na Sala de Aula

De acordo com a especificidade das dificuldades do aluno com esta síndrome, que variam de acordo com o consumo de álcool a que o cérebro esteve sujeito, o educador terá de adaptar o ensino. Consulte outros artigos que falam sobre dicas para promover a concentração na sala de aula, dicas para alunos com dificuldades na leitura e na escrita, dicas para manter a atenção dos alunosterapias e tratamentos, entre outros.

Para crianças com esta síndrome é muito importante a família, a escola, o colegas da mesma idade e a comunidade em geral, pois estes através do seu apoio e compreensão promovem o desenvolvimento do seu potencial.

Como o consumo de álcool tem vindo a aumentar, é de esperar que aumente também o número de crianças com síndrome alcoólica fetal ou com efeito alcoólico fetal. Assim, reveste-se de grande importância a formação de educadores, professores e de pais no sentido de alertar para os perigos do consumo de álcool.