Dislexia e Trabalho de Casa

 

Dislexia e trabalho de casa é algo inquietante e perturbador para as crianças disléxicas. Dislexia e trabalho de casa, independentemente da disciplina, rapidamente transforma-se em trabalho de português: ler e escrever.

Dislexia e anotar os trabalhos de casa

Deve ser evitado, ao máximo, pedir à criança disléxica que anote as instruções para o trabalho de casa. Se não for possível fornecer as instruções dos trabalhos de casa por escrito, peça a um colega ou outra pessoa que o faça. Pode optar-se por gravar as instruções para os trabalhos a realizar. No caso de instruções verbais, é importante certificar-se que foram bem compreendidas e que serão recordadas.

Dislexia e fazer os trabalhos de casa

O ambiente no qual a criança com dislexia faz o trabalho de casa tem de ser o adequado às suas necessidades e não de acordo com aquilo que se considera mais estável ou eficaz. Muitas vezes crianças e adolescentes com esta dificuldade de aprendizagem trabalham melhor  com barulho ou música ao seu redor ou preferem escrever no chão em vez de utilizar a secretária. Permita que a criança realize os seus trabalhos de casa da forma que for mais eficaz para ela, aliás é importante ajudar a criança a identificar qual é essa forma.

A concentração da criança disléxica rapidamente desaparece e por isso elabore um calendário/horário com a criança ou adolescente com períodos curtos de estudo e realização de tarefas escolares. Faça intervalos regulares em que pode ouvir música ou outra atividade do seu agrado. Se respeitar o planeado a criança sentirá que o seu espaço foi respeitado e irá cumpri-lo. Se for mais pequena vai necessitar de ajuda de um alarme ou outra coisa sonora para avisar que o intervalo terminou e o estudo recomeça.

É importante, dentro do possível, criar um ambiente descontraído, sem irritação ou ansiedade para que o disléxico não se sinta pressionado e isso afete o seu comportamento e execução de tarefa.