Educamais.com
Diagnosticar e Intervir em necessidades educativas especiais.
Dislexia, Dificuldades de Aprendizagem, Autismo, TDAH, Orientação Escolar.

Boas Maneiras

Boas Maneiras
124 votos, media 4.41 (88%)

Boas Maneiras são regras básicas de como viver em sociedade. Boas maneiras também chamado de bons modos resume-se, basicamente, a viver de forma educada e cordial na família, na escola, na sala de aula, em locais públicos, à mesa, ao telefone, etc. No fundo, são boas maneiras em sociedade, regras de convivência social.

O que são boas maneiras?

Boas maneiras, bons modos ou etiqueta é um sistema de regras que, de uma forma muito simples, define o que a criança deve ou não fazer. Situações simples como cumprimentar as pessoas, não interromper uma conversa, atender corretamente o telefone são algumas das regras que cada criança precisa aprender.

Necessidade das boas maneiras

As crianças sentem-se mais seguras e confortáveis quando conhecem e aplicam as regras e quando estas são claras. Ausência de regras ou limites comportamentais promove a insegurança e a sensação de estarem perdidos.

É importante que as boas maneiras e o bom comportamento sejam cultivadas desde muito cedo, no contexto familiar. Este é o melhor ambiente para isto, pois a criança sente-se aceite e amada à partida. Ensinar regras às crianças não é o mesmo que oprimir ou anular os seu temperamento, pelo contrário, é prepará-las para que convivam de forma saudável e adequada com todos os que fazem parte do seu dia-a-dia.

Importância do exemplo nas boas maneiras

As crianças aprendem o que vivem, aprendem muitas vezes mais pelo exemplo do que pelas palavras. Mais facilmente a criança dirá as palavras mágicas, como obrigado ou por favor, se as ouvir de forma constante da boca dos seus pais.  O exemplo dos pais e de outras pessoas importantes na vida da criança é básico no desenvolvimento integral da mesma.