Afasia

Afasia é a incapacidade parcial ou total para descodificar códigos linguísticos quer seja linguagem escrita ou oral, devido a uma lesão na área do cérebro que a controla. Afasia não está directamente relacionado com o quociente de inteligência (QI) da criança, jovem ou adulto com esta incapacidade.

O que é afasia?

A afasia não é uma doença, mas sim um sintoma da presença de lesões cerebrais. Pode ser causada por uma infeção, um tumor cerebral, uma condição cerebral anormal ou um traumatismo craniano, não resultando de confusão ou perturbações mentais.

É extremamente difícil determinar o número exacto de crianças, adolescentes e adultos que sofrem de afasia, isto porque , muitas vezes, as lesões cerebrais não são detectadas e porque existem diferentes variáveis envolvidas. De acordo com o Departamento de saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, 20% das pessoas que tiveram uma trombose desenvolveram afasia.

Tipos de Afasia

Devido à localização das lesões cerebrais, existem diferentes e variados tipos de afasia: afasia de Wernicke, afasia total ou global, afasia amnésica, afasia de Broca e afasia adquirida. Normalmente a afasia está relacionada com outras problemáticas, tais como Hemiplegia, Hemianopsia, Apraxia, Disfagia, Epilepsia e problemas de memória.

Sintomas de Afasia

Os sintomas da afasia são variados, dependendo da localização e da extensão das lesões cerebrais. Por exemplo, paralisia de uma parte do corpo, fadiga, dores de cabeça, variações de humor, entre outros.

Tratamento da Afasia

É importante saber lidar com um aluno com afasia, tanto a nível de sala de aula como a nível pessoal trabalhando a sua auto-estima e comunicando eficazmente. Poderá recorrer a testes psicológicos  para avaliar  as  áreas da linguagem: Processamento fonológico, Leitura e escrita, Semântica de palavras e imagens e Compreensão de frases e assim identificar devidamente o aluno encaminhando-o para o tratamento da afasia eficaz para a sua condição.

Terapias para Afasia